Caça e Pesca Monção

Caça e Pesca Monção


A poucos dias da abertura da pesca à truta, já se nota a azafama de muitos pescadores que começam mais uma vez a visitar as lojas de pesca. Eu não sou excepção e também não falto a essa chamada. No entanto, este ano as coisas estão mais complicadas por causa dos trabalhos em que ando metido e portanto resolvi aproveitar uma chamada do meu amigo Torres para começar a tratar desse assunto. Caso contrário, iria aparecer numa loja de pesca no último dia antes da abertura 🙂

Ao contrário de alguns de nós que têm estado arredados dos rios, o Torres mantém-se extremamente activo atrás dos robalos do Lima e do Neiva, e como tal tem vindo a olhar continuamente para a oferta das lojas de pesca. Assim, há pouco tempo ele ligou-me para comunicar a descoberta de uma nova loja onde o material é de muito boa qualidade e onde os preços são bastante baixos. A loja fica localizada em Monção e chama-se Caça e Pesca Monção. Segundo ele, é uma loja com bastante diversidade de produtos, com um proprietário bastante prestável e simpático e onde se pode encontrar excelentes negócios.

De facto, a localização não é muito conveniente para a maioria dos pescadores, no entanto a loja realiza entregas em todo o continente, desde que haja um contacto e acerto prévio com o respectivo proprietário. A loja tem site, no entanto, e como podem ver abaixo, a sua função é bastante limitada, resumindo-se à apresentação de algumas fotografias.


Quanto a material disponível, e para além das típicas colheres que mais nos interessam (Mepps, Vibrax e Celtas), também existe uma colectânea de colheres artesanais que são fabricadas na loja. Como podem observar na foto do post, estas colheres são versões alteradas e mais pesadas das marcas de colheres mais utilizadas pelos pescadores de trutas nacionais e destinam-se a potenciar o seu uso para a pesca do salmão e da truta marisca do Minho.

Este é um tipo de colher que tem vindo a fazer cada vez mais parte do meu portfolio para as trutas, no entanto, até agora, as que tinha, comprava-as na Olicacipesca. As da Olicacipesca têm um formato da chumbada diferente das que são produzidas em Monção e que na minha perspectiva apresenta dois defeitos; às vezes os lançamentos saem mais curtos devido a alguma falta de equilíbrio na colher e a baixa velocidade de recuperação, a colher deixa de funcionar. Perante isto, já há algum tempo que estava à procura de uma nova versão que resolvesse estas questões. Quando o Torres me ligou e me falou desta loja e das suas colheres modificadas, achei que valia a pena tentar. Até, porque depois de olhar para a foto abaixo, fiquei logo interessado.

Colheres Mepps com chumbo - fabrico artesanal - Caça e Pesca Monção

Mesmo assim, não ia comprar sem test-drive e o grande amigo Torres fez o teste da colher nos robalos do Lima, acabando por tirar uma marisca de 35 centímetros que devolveu à água. Segundo ele, as colheres artesanais estão bem equilibradas e rodam mesmo com baixas velocidades de recuperação. A partir daí, ficou tudo dito. Fiz logo a minha encomenda e ainda adicionei algum material que tem sempre muita saída durante todo ano, pois os preços que o Torres me comunicou eram bastante bons. Aproveitando este embalo, também encomendei material para o meu amigo Arlindo Cunha. Ou seja, em poucos menos de uma semana ficaram as minhas compras e as dos meu amigo todas feitas sem sair de casa …

Quanto a preços e contactos, vai ser o grande Torres que os vai aqui introduzir como comentário a este post, pois ele é que o homem do negócio. A mim só me cabe pagar e esperar que o material esteja à altura das trutas, para não dizer o pescador 🙂

Comentários Facebook - Trutas.PT
Related Posts with Thumbnails




Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.