Edital 2016 – Concessão Rio Coura

Edital 2016 – Concessão Rio Coura

Sendo considerado como um dos grandes rios truteiros de Portugal, o Coura é claramente um dos principais locais de pesca para uma grande proporção de pescadores de trutas da zona norte. Entre zona livre e concessão de pesca desportiva, são muitos os que todos os anos rumam ao Coura para desfrutar de alguns momentos bem passados atrás das trutas. Assim, e de modo a preparar as sessões de pesca do próximo ano, é sempre importante saber com bastante antecedência quais os planos da entidade gestora da concessão desportiva do Coura: a Câmara Municipal de Paredes de Coura.

Truta 46 cm Rio Coura lotes Abril 2015

Neste contexto, fomos informados de que o edital para 2016 referente à concessão de pesca desportiva já tinha sido aprovado e que estava disponível online, seguindo cópia do mesmo abaixo:


Sem grandes novidades, mantém-se quase tudo idêntico aquilo que estava previsto para o ano de 2015, sendo a única diferença o período hábil de pesca, que fica agora localizado entre os dias 1 de Março e 31 de Julho. O tamanho mínimo para retenção de trutas continua a ser de 19 centímetros e podem-se reter um máximo de 10 trutas.

Relativamente aos primeiros dias de pesca, o sorteio continua a ser o método preferencial de selecção dos pescadores, mas o processo é tão arcaico, que para os pescadores não residentes que tenham afazeres profissionais é quase impossível participar no mesmo.

Enfim, basicamente aqui fica esta informação de antemão, que ainda pode ser alvo de alteração antes do arranque da pesca. Aconselho sempre a voltarem a verificar este edital no site do ICNF, pois se se mantiver a situação de falta de chuva, é muito natural que possam existir alterações no período de abertura da pesca, como aliás já aconteceu em anos transactos.

Comentários Facebook - Trutas.PT
Related Posts with Thumbnails


Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.