Condições Rio Neiva

Condições Rio Neiva

Como é costume nesta altura, o nosso amigo Torres chega a terras lusitanas e começa já a preparar a próxima época. Morando muito perto do rio Neiva, não lhe é nada difícil dar uma vista de olhos para o quintal no sentido de nos informar sobre as condições do Rio Neiva nos últimos dias de Dezembro e após alguma chuva. Assim, as fotos que aparecem neste post, retratam não só o Rio Neiva no seu troço médio, mas também no seu troço superior, já que o Torres não é homem de deixar o serviço pela metade.

Como se pode observar nas fotos, o Rio Neiva apresenta condições normais para a época do ano que atravessamos, notando-se claramente a influência da chuva em termos de caudal e cor da água. Um bom prenúncio, a demonstrar que os rios do Minho não sofreram tanto com a falta de água como os do interior.

Rio Neiva a montante condições Dezembro 2015

Em termos de acção de desova neste rio, chegaram-nos notícias de que já há sinais de que a mesma está a decorrer em determinados locais, tendo sido observados alguns exemplares acima de kilo em cardume. Isto é um sinal encorajador e que vem no seguimento das chuvas que finalmente começaram a cair em finais de Dezembro e que prometem engrossar no início de Janeiro. Claramente, boas notícias para os pescadores de trutas que com o cenário de falta de água do final de 2015 já começavam a ver as coisas tremidas relativamente à temporada de 2016.

Rio Neiva cor da água Dezembro 2015

Sem mais, só para agradecer ao Torres pela cedência das imagens e aproveitar para desejar a todos um bom 2016. Pela maneira como está a começar, parece-nos que pode ser indicativo de uma boa temporada de pesca às trutas. Se os rios se apresentarem todos com as condições que vemos no Neiva nestas fotos, podemos certamente antecipar grandes jornadas 🙂

Comentários Facebook - Trutas.PT
Related Posts with Thumbnails




Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.