Tempo para a abertura no Gerês – 2016

Tempo para a abertura no Gerês – 2016


A menos de 24 horas da abertura da pesca à truta nas barragens do Gerês na temporada de 2016, é com expectativa que olhamos para as condições meteorológicas e tentamos perceber aquilo que se pode esperar. Tomando como referência as previsões do Windguru para Viana do Castelo, vamos tentar estimar, com uma margem de erro sempre importante, o que se pode passar na zona de montanha do Gerês.

Depois de algumas chuvadas com intensidade no fim de semana, o cenário para o dia 1 parece ser relativamente promissor, sobretudo no que diz respeito a pluviosidade, pois não se antecipa qualquer queda de chuva. Simultaneamente, o vento poderá ser fraco a relativamente moderado do quadrante sul, apresentando-se o céu com nuvens altas que devem permitir a passagem do sol de vez em quando.

Quanto à temperatura, antecipa-se uma descida substancial da temperatura mínima para os 5 graus na zona costeira, o que pode claramente significar temperaturas negativas na zona do Gerês. Estas temperaturas devem condicionar a acção de pesca até às 10 ou 11 horas da manhã, dependendo do local.

Todos estes dados e a sua evolução hora a hora pode ser analisada na imagem abaixo:

Previsão meteorológica abertura barragens do Gerês 2016

Relativamente ao impacto destas previsões nas condições de pesca, parece-me natural assumir que o factor mais importante será a temperatura. Uma descida abrupta da temperatura do ar e posteriormente da água nas primeiras horas da manhã, pode levar a menores níveis de actividade por parte das trutas e consequentemente obrigar a recuperações mais lentas e maior insistência nas zonas mais promissoras. Isto, obviamente, poderá ter como efeito colateral uma maior perda de amostras em zonas mais fechadas. Assim, e à medida que a temperatura for aumentando, também se espera um aumento da actividade por parte das trutas, estando as horas de pico entre as 12 e as 17.

Por sua vez, o céu encoberto e o vento fraco poderão ser aliados importantes para permitir uma melhor aproximação dos pescadores aos pesqueiros, facilitando a acção de pesca.

Considerando as chuvas das semanas passadas, é natural que também existam várias linhas de água activas junto às barragens que poderão constituir zonas preferenciais de alimentação para as trutas.

No global, o que importa é que mais uma vez se aproxima o dia 1 de Abril e teremos oportunidade de marcar a tradição da abertura à pesca nas barragens do Gerês. O que vai certamente marcar a diferença será o convívio com os amigos e também a capacidade para conseguir ler bem as massas de água e adivinhar o posicionamento das trutas.

Comentários Facebook - Trutas.PT
Related Posts with Thumbnails




Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.