Rio Homem – Terras do Bouro

Rio Homem – Terras do Bouro

Recentemente, e após alguns dias de chuva, tive a ideia de passar pelo Rio Homem junto a Terras de Bouro. Claramente que esta não era a minha primeira opção, pois já tinha passado a manhã a tirar umas boas trutas noutro local, mas não deixava de ser uma alternativa interessante tendo em atenção alguns aspectos particulares, como o caudal elevado e a possibilidade de encontrar boas densidades de trutas.

Assim, e depois de uma breve deslocação, cheguei ao local pretendido por volta das 14 horas, já com o sol no céu. Imediatamente fiquei desapontado pelo facto de estarem pelo menos 5 carros de pescadores junto à ponte. Apesar de a grande maioria poder ser pescador de minhoca, havia a clara possibilidade de já estar o local bem batido em termos de spinning. Mesmo assim, resolvi baixar ao rio e fazer um breve troço de 200 metros durante 20 minutos.

Tal como esperado, o rio Homem apresentava um caudal generoso com correntes activas, mas não demasiadamente rápidas. A cor era bastante transparente, apesar de uma ligeira tonalidade escura, e podiam-se observar alguns pequenos exemplares de trutas a nadar a meia água ou próximo da superfície. Nalguns casos concretos, chegavam mesmo a quebrar a superfície para apanhar um ou outro insecto pontual.

Rio Homem corrente Abril 2016

Durante 20 minutos, lancei nas zonas mais promissoras e verifiquei que o local estava bastante pisado. Ainda tirei um exemplar muito pequeno que nem sequer fotografei e que devolvi rapidamente à água. As trutas apenas estavam em ligeira actividade nas zonas de mais difícil acesso enquanto que nas outras, nem sinal delas. De facto, não cheguei a visualizar nenhuma truta de bom tamanho.

Passados 20 minutos, encontrei dois pescadores à minhoca que me disseram que não faltaram pescadores durante a parte da manhã e portanto resolvi por um ponto final à minha jornada naquele local. Pareceu-me que poderia haver algum potencial para boas pescarias em situações pontuais, mas o principal problema parece ser a enorme pressão de pesca. Portanto, visitas ao Homem só com escolha criteriosa de dias que permita minimizar a pressão de pesca.

Related Posts with Thumbnails




Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.