20 minutos num afluente do Coura

20 minutos num afluente do Coura

Na sequência de mais uma visita ao rio Coura, e com condições de caudal muito difíceis para se conseguir realizar uma pesca minimamente eficaz ao spinning, resolvi tentar a minha sorte num afluente do Coura. Atendendo à situação de seca do ano passado, as minhas expectativas eram baixas e portanto nem pensei em realizar uma pescaria prolongada a subir o afluente, já que quase de certeza que as zonas de menor profundidade tinham ficado completamente secas e as trutas deveriam ter morrido. Nem mesmo as chuvas fortes tardias de Março poderiam ter resolvido este problema, porque a época da desova já estava no fim quando as mesmas surgiram e portanto as trutas não tinham tendência para subir os ribeiros à procura dos locais tradicionais de desova.

Enfim, com este cenário em mente, apenas resolvi bater um grande açude que quase de certeza tinha mantido água suficiente, mesmo durante os períodos de maior seca. O caudal do afluente era elevado, mas claramente mais limpo e com menor força do que o do rio, portanto, resolvi meter uma Mepps nº1 para ver o que poderia acontecer.

Os primeiros lançamentos começaram a surgir junto ao muro do açude. A colher a progredir bem, mesmo por cima das algas e logo na primeira recuperação um ligeiro toque. Voltei a insistir, mas nada! Lentamente, fui-me deslocando para montante e palmilhando metro a metro as zonas mais promissoras com lançamentos o mais puxados possível. 20 metros mais à frente, outro toque e vejo um pequeno vulto a seguir a colher. volto a insistir e já com a colher a meio do rio, sinto um toque ligeiro, cravo e vejo uma pequena truta a saltar no meio do rio. Como estava com 0,18, nem perdi tempo. Recuperação rápida e truta na mão. Um lindo exemplar de 14 centímetros que foi imediatamente devolvido à água.

Depois desta captura, acabei de fechar o açude num período de 10 minutos. Vi mais uma truta pequena, mas nem sinal de bons exemplares. Um claro sinal de que a seca afectou bastante esta zona e de que vai tardar a conseguir uma recuperação razoável da densidade de trutas neste lugar. Uma situação que vou continuar a acompanhar nos próximos tempos …

Comentários Facebook - Trutas.PT
Related Posts with Thumbnails




Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.