Condições no Rio Couto – Outubro 2011

Condições no Rio Couto – Outubro 2011

Na sequência de uma viagem esporádica tive a oportunidade de passar pela zona de Cambra e como tal não podia perder a oportunidade de fazer uma breve visita à foz do Rio Couto. O local onde o Rio Couto conflui com o Rio Alfusqueiro tem uma zona de piqueniques bastante bem arranjada e uma pequena capela.

É um local mítico para os pescadores de trutas da zona, pois existe um bom açude que tende a albergar bons exemplares de trutas. Que o diga eu e o meu amigo Zé Pintalhão … Este ano tiramos umas boas trutas neste local, aquando da última visita à zona de pesca desportiva de Cambra.

Nesta data em concreto verificamos que a chuva da semana passada já teve um bom efeito no caudal do Rio Couto, aliviando as pobres trutas da falta de água. Com a chuva, os níveis de oxigenação no rio voltaram a aumentar, bem como a disponibilidade de alimento para as trutas. A água já apresentava uma ligeira cor escura que é sinónimo do arrastar de nutrientes para o rio.

Apesar desta mudança bem-vinda, ainda acreditamos que é necessária muita mais chuva e frio para criar as condições óptimas para a desova das trutas. De facto, os próximos dias devem dar uma ajuda preciosa, atendendo às previsões climatéricas disponíveis de momento.

Entretanto, e depois de ver estas imagens, fico já ansiar por voltar a pescar nas margens do Rio Alfusqueiro e do Rio Couto. Vai ser uma longa espera 🙂

Related Posts with Thumbnails


Informação sobre o autor

Pescador de trutas desde os 18 anos. Tem uma forte dedicação ao spinning com colher e peixes artificiais, tendo pescado em Portugal, Espanha e no Reino Unido. Actualmente, pesca sobretudo na zona do Minho, Gerês e Centro do país.